– Do Conselho Consultivo do Contencioso Administrativo e Judicial são escolhidos pela Diretoria Executiva e nomeados pela Presidência, entre pessoas de ilibada reputação e de notável conhecimento na área de Direitos Humanos, Sociais e matérias correlatas, sendo dividido em Departamentos, por área de saber, formando Conselhos Especializados, criados a partir de Resoluções publicadas pela Presidência do IPEDIS.

Dentro das suas atribuições, ao Conselho do Contencioso compete:

a) Zelar pelo prestigio do Instituto sugerindo medidas que resguardem seus primados institucionais;
b) Opinar sobre qualquer assunto de relevância, inclusive aqueles que, a juízo da Diretoria Executiva, devem ser submetidos à Assembleia.
c) Apresentar sugestões relacionadas a denúncias junto a órgãos públicos de Fiscalização e Ministério Público, bem como ações coletivas na defesa de Direitos Sociais e Humanos;
d) Aconselhar na elaboração de expedientes internos e externos relacionados ao Contencioso Administrativo e Judicial;
e) Participar, junto à Diretoria Jurídica, da elaboração e revisão de Pareceres; Exordiais; Recursos e Petições intercorrentes no âmbito administrativo e Judicial;

rodape letras